top of page

Vivendo Presente, Transformando Experiências

“Estar no presente como opção para vivenciar o pulsar da vida em transformação.”


A inspiração da carta dessa semana vem diretamente da Índia. A minha mais recente aula de filosofia do Yoga Sutras de Patanjali foi lecionada diretamente do lugar de berço do yoga e compartiho com você a sabedoria do professor que me serviu como uma luva para o tema dessa semana aqui no MeditYoga: Viver no Presente; segundo o Kriyayogah: pela prática do yoga em ação.


Nesse primeiro sutra do segundo capítulo, Patanjali nos ensina que a filosofia é prática e que o vivenciar do nosso yoga deve ser contínuo. Para nós aqui do Ocidente pode parecer algo desafiador uma vez que erroneamente associamos o yoga a uma aula de prática física, logo nos impossibilitando que estejamos continuamente nos movimentos dos ásanas. Porém para quem já compreende um pouco mais que o yoga se estende para além do tapete, sabe que o movimento do corpo é apenas uma ínfima porção da filosofia. O yoga na verdade nos convida o tempo todo a um grande empenhar-se em Ser humano: contínuo, presente e ativo no vivenciar a vida.


Ao aprofundarmo-nos nos ensinamentos desse sutra, entendemos que cada ação que tomamos como indivíduos deve ser guiada por três atitudes fundamentais: o exercício da presença no presente, nossa energia na potência interna íntegra, máxima e inseparável da essência (tapas); nossa capacidade de auto-análise das nossas ações, nos convidando a uma avaliação reflexiva e racional de nossas experiências diretas (svadhyaya); e a redenção completa ao desenrolar do momento, entregando-nos de coração a ação em si e não ao resultado dela, que não nos pertence (isvarapranidhana).


Patanjali nos ensina que é apenas com a prática conjunta da entrega em energia, razão e coração, a partir dessas três qualidades agindo sobre nossas ações, que vivenciaremos o presente transformador. E com ele, nos capacitando para ressignificarmos padrões antigos entranhados em nossas memórias pela vivência do novo a cada experiência alcançada por nós. E apenas por nós!


E assim. ficamos com a inspiração da sabedoria yogi: "A vida é nova, é pulsante, um constante processo de transformação ativa." por Diego Koury


Estar presente no presente é a única forma de vivênciá-la. Um viva a essa experiência linda que pulsa dentro de mim e de você!

Com amor,







Para a sua reflexão:

Com que frequência no seu dia você se sente conectado em energia, razão e coração no presente?

O que lhe resgata e lhe ancora no agora?

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page