top of page

Transformação para fluir

“Transformar em si para fluir com as mudanças ao redor.”


E se cada estação do ano fosse uma nova etapa da vida a ser conquistada no crescimento pessoal? De forma cíclica, a cada ano teríamos 4 oportunidades de atingir algo diferente do que foi experimentado na fase anterior. Algo como vestir uma nova roupagem, comunicar-se em uma nova língua, compartilhar uma comunidade não familiar, novos hábitos e múltiplos planos.


A vida mais ou menos nos apresenta tais experiências porém, insistimos em seguir os padrões conhecidos, repetimos velhos ditados (sem mesmo entender o sentido deles), mantemos os mesmos caminhos já familiares para atingir novos alcances e olhamos para fora, mais do que para dentro, porque acreditamos um dia encontrar respostas e felicidade por lá.


Ao abandonarmos nossas armaduras e resistências diante do novo para aprender com a inteligência do nosso corpo e a sabedoria da nossa mente chegamos mais perto do que chamamos contentamento. E são muitas essas armaduras… As armaduras dos desejos incessantes e que nunca nos satisfazem, as armaduras de ocupar nossas mentes todo o tempo com incontroláveis problemas, as armaduras das emoções que nos aprisionam a um passado igualmente imutável, e por aí vai.


Passar por cada estação do ano, por cada nova fase da vida, por cada emergir de uma nova e inquietante sensação (dor física, dor emocional, perdas…) é viver! Simples assim. Nossas vivências do dia a dia são a experiência direta possível para nós treinarmos nossas mentes com possibilidades frescas e promissoras. A dor vem, nem sempre avisando antes mas, também vai, se assim nos rendermos à presença temporária de cada sofrimento e aos incontestáveis recursos disponíveis que guardamos dentro (ou das comunidades fora com as quais podemos contar) e nem sempre exploramos.


Renda-se às maravilhas, às surpresas que o seu dia, uma nova estação do ano oferece e não crie amarras, o fluir é necessário e saudável.


Com amor,







Para a sua reflexão:

- Você consegue discriminar o que é temporário na sua vida mas é sentido como permanente, difícil? Encontre-se na auto compaixão, ela é transformadora!

- Sente-se contente e grato por mínimas conquistas? Aprenda a celebrar, preencha a alma de alegria :)


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page